[ editar artigo]

COVID-19 e o rumo dos casamentos. Entrevista com Cris Pileggi

COVID-19 e o rumo dos casamentos. Entrevista com Cris Pileggi

A Casamentos Perfeitos entrevistou a Assessora e Decoradora de Eventos, Cristiane Pileggi sobre a situação atual e o rumo dos casamentos.

Casamentos Perfeitos: Cris, como você, muitos assessores de eventos e casais estão passando por uma situação muito complicada. Remarcar um sonho planejado com tanto carinho, com certeza, não é uma tarefa fácil. Como você lidou com a ansiedade dos noivos nesse momento?

Cris: Como adiar o maior sonho? Com certeza, essa é uma decisão delicada e muito difícil para os noivos. No começo, não imaginávamos que a situação fosse tão grave, muitas noivas relutaram em adiar o casamento. Respeitamos ao máximo a vontade dos noivos e seguramos, na medida do possível, as remarcações. Porém, começamos a ver tudo o que estava acontecendo ao redor do mundo e, na medida que a situação se agravava no Brasil, percebemos que seria necessário remarcar os casamentos. Por mais dolorido que esse processo possa ser, sabíamos que o quanto antes iniciássemos, melhor seria.

O trabalho de remarcação pode ser muito complicado, pois é necessário conciliar a nova data com todos os fornecedores contratados.

Por exemplo, as igrejas mais requisitadas de São Paulo têm poucas datas disponíveis, inclusive, muitas abriram novos horários para acomodar a quantidade de casamentos reagendados. Orientei os meus clientes a começarem esse processo com antecedência, pois sabia que várias noivas estariam fazendo o mesmo.

Após semanas intensas e de muito trabalho, conseguimos remarcar todos os casamentos e mantivemos quase 100% dos fornecedores.  

Casamentos Perfeitos: Como vocês definiram as prioridades na remarcação?

Cris: A preferência é dos noivos. Sempre pergunto, o que é mais importante? Qual é o maior sonho dos noivos. Por exemplo, o local da cerimônia ou do evento? Se casar em uma determinada época do ano? Assim, fica mais fácil eleger quais são os fornecedores mais importantes, aqueles que os noivos não renunciariam de jeito algum.

Casamentos Perfeitos: Quais seriam as suas principais dicas para os noivos e fornecedores, que estão passando por essa situação?

Minha dica é: negociem caso a caso, conversem para resolver amigavelmente a situação. O bom senso nesse momento é muito importante, entender o outro lado e compreender que a situação é complicada para todos os envolvidos, noivos e fornecedores.

Além disso, sugiro observar os contratos e ficar atento à legislação ou qualquer mudança que possa afetar a relação contratual.

Casamentos Perfeitos: Como você imagina o futuro dos eventos? Qual é a sua previsão?

O brasileiro é muito festeiro, então, acho que sempre vamos procurar uma forma para festejar.

No curto prazo, acredito que serão priorizados locais abertos, com mais espaço, pé direito mais alto. Muitas pessoas optarão por realizar festas com formato mais intimista, em casa, com menos pessoas. 

Com relação a eventos fora do Brasil, os Destination Weddings, acredito que serão bastante afetados, principalmente pelas restrições de viagens e pela taxa do câmbio.

O casamento é um momento muito importante, não só para os noivos, como também para os familiares envolvidos. Adiá-lo, com certeza, é uma decisão muito difícil e que precisa ser tomada com todo carinho, considerando todos os detalhes para que o casamento seja como os noivos sempre sonharam.  

Foto da Capa: Marco Costa Photo

Foto da Entrevistada: Edith Schmidt

Casamentos Perfeitos
Casamentos Perfeitos
Casamentos Perfeitos Seguir

Essa comunidade foi idealizada para reunir o que há de melhor no mundo de eventos, um espaço para compartilharmos experiências e aprendizados, e juntos criarmos casamentos perfeitos!

Ler matéria completa
Indicados para você